BACK TO COOL 3 COLUMN

sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Um dia de sufoco....

Pois é amigas

Tal como indico, este foi um dia muito sufocante, mas que no final acabou por correr bem, Graças a Deus.
É que depois de tanto adiar este passo agora tinha de ser dado, já não tinha como adiar mais e porque já começava a haver umas aventuras aqui por casa, decidimos então castrar o nosso gatinho.
Tudo normal é uma coisa que todos os animaizinhos de casa se têm de sujeitar, mas para nós foi um dia sufocante.
Lembram-se disto, esta tragédia aconteceu-nos há pouco mais de um ano, acontece que este meu gatinho de agora é irmão desse meu gatinho, do mesmo pai e da mesma mãe, na altura não pensei nada, mas depois da médica ter confirmado que sendo eles irmãos e se o que aconteceu tiver alguma coisa a ver com genética, este meu gatinho de agora corre o risco também.
 Estão a ver o porquê do meu sufoco?- levámo-lo na noite para fazer o jejum lá, porque como tenho dois gatinhos era complicado fazer o jejum em casa, depois foi um dia infernal, nunca mais chegava a hora de eu poder telefonar para o Hospital onde ele estava internado disseram-me 4 h da tarde, ora já o tinha deixado lá no outro dia ás 9 h da noite as saudades já eram muitas a preocupação também, (As más noticias correm rápido, pensava eu ao longo do dia mas o pior era a espera, muito bonito pensar, mas fazer.....) depois as horas não passavam, mas....... a muito custo lá chegaram as 4 h.
 Telefonei mas muito nervosa e quando a médica falou comigo e me disse que ele estava bem, que tinha corrido tudo bem, chamem-me lamechas mas fartei-me de chorar.
 Mas o que depois estragou a minha alegria, "estragou" foi quando a médica me confirmou que este meu gatinho lindo fez jus ao irmão e aconteceu precisamente o mesmo que o irmão, só que como elas estavam preparadas para qualquer eventualidade "de", conseguiram logo em segundos reverter o efeito da anestesia.
Claro com tudo isto ainda chorei mais, chorei de tristeza por pensar que por pouco não perdia também este meu gatinho e chorei de alegria porque apesar de ter estado à beira "de" conseguiram salvar o meu lindo e querido bebezinho .
 Vejam só a pelada que ele tem na patinha e tem também no pescoço, pensar que para um cirurgia que se diz ser tão fácil, ele passou tanto:(.
 Mas está aqui a receber os nossos miminhos e os do Fozzie  que já estava com saudades dele.
Amigas vocês nem imaginam o sacrificio para lhe colocar o colar, nós púnhamos ele tirava, voltávamos a colocar e ele a tirar isto nem tem conta de vezes.
 E quando lho púnhamos ficava assim com este ar triste.
E assim passou um dia de sufoco que acabou por correr bem e trazermos para casa o nosso bebezinho lindão e aqui está o nosso querido Zuki.


 PS.- Peço desculpa por este longo post, mas não tinha como o encurtar, calculo que alguém desista antes de chegar aqui, mas de coração agradeço, e deixo aqui um beijinho a quem teve a coragem de o ler até ao fim.
Obrigado

Eu no outro post anterior a este bem disse que ia colocar hoje mais que três palavrinhas, mas não acreditaram não foi?
                       
                                                                     Até breve!!!

2 comentários:

  1. Paula...quando amamos nossos animais de estimação....é assim mesmo...muita emoção junta! Tudo de bom!

    ResponderEliminar
  2. Ainda bem que conseguiram evitar o pior... doi muito essa impotência de sentir que o bem estar dos nossos depende dos outros...
    Beijinho

    ResponderEliminar

Obrigado pela visita e pelo comentário. Espero que tenham gostado :)

Beijinhos

Paula

PS: Posso tardar, mas responderei às mensagens e claro que vos farei uma visita nos vossos blogs! ;)